fbpx 260711774397346
Diplomacia

Quase metade dos candidatos foi reprovada na segunda fase do CACD 2019

By 7 de janeiro de 2020 No Comments

Resultado final da segunda fase do CACD 2019

Revelado o resultado final da segunda fase do Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata (CACD), de 2019, é possível discriminar as notas dos candidatos em cada uma das provas.

Ao todo, foram 6.411 inscrições no CACD 2019, para 20 vagas na carreira de diplomata. O concurso foi dividido em duas fases, a primeira com duas provas objetivas somando 73 pontos (292 itens de C ou E valendo 0,25 pontos cada) e a segunda de 8 provas dissertativas, cada uma no valor de 100 pontos.

Para a segunda fase, foram convocados os 200 candidatos com melhor desempenho na primeira fase. Respeitados os empates, foram convocados 209 candidatos.

Critérios de aprovação

Ao final, conforme o Item 7 do edital de abertura, são considerados aprovados os candidatos que obtiveram nota superior ou igual a:

  • 60 pontos na prova de Língua Portuguesa;
  • 50 pontos na de Inglês; e
  • 360 pontos no somatório das seis demais provas dissertativas, quais sejam: História do Brasil (HB), Geografia (GEO), Política Internacional (PI), Economia (ECO), Direito (DI) e Espanhol (ESP) e Francês (FRA) – as disciplinas de ESP e FRA compartilham a mesma prova, sendo 50 pontos para cada.

A nota da primeira fase não é somada na nota final.

Quase metade dos candidatos não conseguiu aprovação

Dos 209 convocados à segunda fase, somente 109 (52%) conseguiram aprovação. No critério dos 360 pontos, 94 candidatos foram reprovados. Na prova de LP, somente 4 candidatos (como não somaram pontuação alguma, provavelmente não compareceram em nenhum exame). Na prova de ING, 39 candidatos.

Resultado final da segunda fase do CACD 2019

Acertar na prova e nos estudos

A plataforma de Diplomacia, da Máquina de Aprovação, é a melhor ferramenta disponível para sistematizar os estudos e fazer correções de percurso, para uma jornada mais curta.

O sistema foi desenvolvido pelo engenheiro formado no ITA e mestre em estatística pela Unb, Victor Maia.

 

 

Imagem destacada: reunião no Ministério das Relações Exteriores (Leonardo Hladczuk/MRE/Flickr).

Leave a Reply