fbpx 260711774397346
Dicas

Os 8 vilões dos concurseiros

By 3 de abril de 2019 No Comments

A vida do concurseiro pode ser comparada a um conto de fadas tradicional: temos a personagem principal – o guerreiro, que quer atingir o seu objetivo (a aprovação!) no final da história -, temos um enredo cheio de altos e baixos e temos não só um, mas diversos vilões para nos atrapalhar durante essa jornada.

Para que você prepare os seus instrumentos de combate e esteja preparado, separamos os top 8 vilões com os quais você vai precisar lutar durante essa saga. Confira quem são eles e não deixe que essa história vire um conto de terror:

 

1. A falta de rotina

Para chegar a um objetivo, é preciso ter uma rotina. Esse é um fato o qual todos os concurseiros já sabem, então porque não torná-la uma aliada nesse projeto?

A rotina surge a partir do hábito. Esse, por sua vez, é criado quando repetimos frequentemente alguns de nossos atos. O hábito é formado por gatilho, rotina e recompensa. O gatilho avisa ao cérebro que ele pode agir de modo automático. É o que vai te incentivar a estudar. A recompensa é o motivo de fazer o que fazemos. Saber que está se dedicando para algo que valha a pena, traz um conforto psicológico.

Tudo isso vai condicionando o nosso corpo e cérebro, e o que antes era uma obrigação, passa a se tornar algo automático, que não cobra esforço. Por isso, encare a rotina como uma jornada e não como um fardo.

 

2. Distrações

Sabemos que o nosso conto de fadas é moderno e que nossas personagens vivem constantemente conectadas, porém esse pode ser um dos principais vilões da sua história.

Sim, é importante estar ligado no que está acontecendo no mundo afora e saber das atualidades, mas não o tempo todo, não é mesmo? Separe um horário do seu dia para utilizar as redes sociais ou se utilize dos tempos de descanso para isso (só cuidado para que os 10 minutos de descanso não virem 1 hora!).

Desligue também o seu telefone, a televisão e músicas. Fique longe de revistas, livros que não têm a ver com o assunto estudado e tudo que possa te distrair. Acredite, até mesmo um bichinho de estimação pode te desconcentrar, então fique atento!

 

3. Fobia

Muita coisa se passa na cabeça do concurseiro. E não tem muito como ser diferente: o estudante sofre pressão de todos os lados e acaba fazendo muita cobrança em torno de si mesmo.

Com essa cobrança e com o medo de não passar, o concurseiro fica pensando demais como vai ser a prova, desenvolve o medo de perder a hora, medo do futuro e acaba criando diversas situações na própria cabeça.

 

4. Ansiedade

Esse vilão anda lado a lado com a fobia. À medida que os medos e anseios vão tomando conta de você, a ansiedade começa a fazer parte de você, te atrapalhando, principalmente, na hora de dormir.

Quem nunca virou noites criando situações hipotéticas e imaginando como deveria ter feito tal coisa diferente? Dessa forma, o concurseiro vai tendo menos horas de sono e o seu estudo do dia terá sido em vão. Isso por que dormir faz com que você processe o que foi estudado e renove as energias para os estudos do dia posterior.

 

5. Comida

Com a ansiedade, a pessoa começa a criar diversos distúrbios e uma das áreas mais afetadas é a alimentação. O nervosismo faz com que muita gente acabe descontando na comida e por isso, alguns concurseiros acabam ganhando alguns quilinhos durante a jornada.

A dica aqui é evitar idas excessivas à cozinha (até mesmo para evitar as paradas durante os estudos) e consumir alimentos mais leves, que não vão ter uma digestão muito complexa – o que acaba atrapalhando na hora da concentração. Além disso, você vai se sentir mais disposto e desperto para continuar seus estudos após a alimentação.

 

6. Ambiente

Outro vilão muito comum é o ambiente. Tem concurseiro que, mesmo após anos estudando, ainda não sabe qual o lugar mais adequado para estudar. Nós já fizemos um post sobre esse ambiente ideal, veja aqui.

Em resumo, procure um lugar silencioso, confortável (não tão confortável e que te deixe com sono), com uma iluminação e temperatura adequadas. Tire tudo que não tem a ver com o seu momento de estudos e mantenha esse ambiente sempre organizado.

 

7. Falta de Motivação

Quem estuda para concurso sabe que essa é uma jornada custosa e demorada e, por isso, é muito comum se sentir desmotivado. Isso ocorre por causa dos anseios, dúvidas e fobias, que pouco a pouco vão tomando conta da cabeça do concurseiro.

Por isso, é muito importante ter a cabeça forte e focar no seu objetivo. Para facilitar, você pode, de alguma maneira, materializá-lo, seja por meio de uma foto ou um objeto que te lembre o real motivo de você estar se dedicando tanto.

Também é imprescindível ter quem te incentive nessa jornada. Por isso, escolha bem quem você quer ao seu lado durante essa trajetória até o sucesso.

 

8. Vida caótica

De nada adianta tentar ser aprovado em um concurso público se a sua vida estiver uma bagunça! Além de precisar ter o lado sentimental fortalecido, você precisa de apoio de todos os que vivem ao seu redor.

Não tem como focar nos estudos saindo todos os dias com os amigos, com os familiares toda hora interrompendo ou chegando para uma visitinha surpresa ou se enchendo de compromissos que tomarão muito o seu tempo. Lembre-os de que você tem um objetivo pelo qual luta todos os dias e que, por  isso, não está sempre disponível ou à toa.

Pare e organize o seu tempo. Separe o que é necessário para estudos, trabalho, academia, e vida social (sim, ela é importante!). Ao conseguir administrar tudo isso, você vai perceber que seu estudo vai render bastante.

 

E aí, qual desses é o seu maior vilão? Tem algum outro? Deixe aí nos comentários!

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of