fbpx 260711774397346
Diplomacia

Quais são as fases e as provas pós TPS?

By 22 de abril de 2019 No Comments

Ocasião da formatura do Instituto Rio Branco, em 2018 (MRE/Flickr).

Quantidade de fases do concurso e provas dissertativas

Desde 2002, a quantidade de fases e provas, após o TPS, foi alterada algumas vezes. No entanto, a partir de 2005, consolidou-se o modelo de avaliação exclusiva por provas dissertativas, com valor de 100 pontos cada uma.

As disciplinas de ESP e FRA, assim como de DI e DIP, são aplicadas em um único exame. Do mesmo modo, ocorreu com PI e GEO, entre 2014 e 2016.

Por que as provas dissertativas são divididas em fases?

O objetivo das provas serem divididas em fases é para que funcionem como filtros de candidatos. Isso ocorre a partir de uma nota mínima exigida para aprovação à próxima fase. Desse modo, há um número de candidatos e provas corrigidas progressivamente menor de fase a fase.

De 2005 a 2016, a segunda fase contava apenas com uma prova de LP, de caráter classificatório e eliminatório (classif/elimin), com requisito (req) de 60 pontos. Em  2017, resgatando uma prática anterior, foi incluída uma prova de ING, também classif/elimin, mas com req de 50 pontos.

Por que 3 ou 4 fases?

Quanto aos modelos de 3 ou 4 fases, o que muda, basicamente, é em qual momento será aplicada a prova de ESP e FRA. Se exclusivamente na quarta fase, de caráter apenas classif; ou juntamente com outras provas na terceira fase, de caráter classif/elimin.

Quadro de pontos

O req na terceira fase é 60% da pontuação somada das provas, o que dá, atualmente, com 6 provas nessa fase, 360 pontos. A pontuação máxima na NF é de 800 pontos. Os 73 pontos possíveis do TPS são descartados.

Calendário das provas

Em geral, as provas dissertativas podem ser aplicadas cada uma em um dia ou até duas provas no mesmo dia. Em 2018, o edital propôs o calendário exposto abaixo. Para saber mais sobre a cronologia dos exames nas edições do CACD, confira o post Calendário histórico do CACD.

 

A série de posts sobre TPS e disciplinas

Esse é o terceiro post da série de publicações sobre o TPS em contexto e a incidência de temas em questões de cada disciplina.

Confira as demais publicações da série:

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of